O Novembro Azul é uma campanha que teve origem em 2003, na Austrália, com o objetivo de chamar a atenção para a prevenção e o diagnóstico precoce de doenças que atingem a população masculina. Em 2011, a campanha foi lançada no Brasil para conscientizar sobre a importância do diagnóstico precoce com foco no câncer de próstata. 

Quer entender mais? Nós separamos alguns tópicos para falarmos mais sobre a prevenção e identificação da doença. Confira e tenha uma boa leitura:

Você sabe o que é o câncer de próstata?


É um tumor que se desenvolve a partir da proliferação desordenada de células e que aparece de forma mais comum entre homens a partir dos 45 anos. De acordo com dados do Inca (Instituto Nacional de Câncer) essa doença atinge cerca de 65 mil brasileiros por ano e é responsável por 13,6 mortes para cada 100 mil homens. No Brasil, a cada 38 minutos um homem morre devido a doença.

Esses são dados alarmantes e homens de todas as idades devem ficar atentos aos fatores de risco e conversar com seu médico para a realização de exames que permitam a detecção precoce da doença.


Embora seja uma doença comum, por medo ou por desconhecimento muitos homens preferem não conversar sobre esse assunto, o que torna mais importante sua conscientização.


Como identificar a doença?
Existem diferentes tipos de câncer de próstata, alguns de crescimento muito lento e outros mais agressivos. Uma vez confirmado o diagnóstico, o médico tem condições de caracterizar o potencial de agressividade do tumor e indicar o melhor tratamento com base em vários fatores, como idade do paciente e seu estado de saúde geral.


O câncer de próstata geralmente surge como uma doença silenciosa e indolor. Além disso, muitas vezes os sintomas podem ser confundidos ou atribuídos a outras doenças. Os sintomas mais comuns incluem: necessidade frequente de urinar, fluxo fraco, dor ou ardor, sangue na urina e rigidez na lombar, quadris ou coxas. Se estiver sentindo qualquer um desses sintomas, procure seu médico para diagnóstico e tratamento.

Quais os fatores de risco?
Existem alguns fatores que podem aumentar as chances de um homem desenvolver câncer de próstata, são eles:

  • Idade: O risco aumenta com o avançar da idade. No Brasil, a cada dez homens diagnosticados com câncer de próstata, nove têm mais de 55 anos.
  • Histórico de câncer na família: Homens cujo pai, avô ou irmão tiveram câncer de próstata antes dos 60 anos, fazem parte do grupo de risco.
  • Sobrepeso e obesidade: Estudos recentes mostram maior risco de câncer de próstata em homens com peso corporal mais elevado.

Como prevenir a doença?
Já está comprovado que uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais, e com menos gordura, principalmente as de origem animal, ajuda a diminuir o risco de câncer, como também de outras doenças crônicas não-transmissíveis. Nesse sentido, outros hábitos saudáveis também são recomendados, como fazer, no mínimo, 30 minutos diários de atividade física, manter o peso adequado à altura, diminuir o consumo de álcool e não fumar.

Entre os fatores que mais ajudam a prevenir o câncer de próstata estão:

  • Ter uma alimentação saudável.
  • Manter o peso corporal adequado.
  • Praticar atividade física.
  • Não fumar.
  • Evitar o consumo de bebidas alcoólicas.

Qual médico procurar: Urologista e proctologista?
Em suma, a urologia é a especialidade da medicina que cuida dos órgãos do aparelho urinário masculino e feminino e dos órgãos sexuais masculinos.

Portanto, o urologista tem conhecimento e experiência para tratar rins, bexiga, ureteres, adrenais de homens e mulheres, próstata, pênis, testículos, epidídimos, ductos deferentes e vesículas seminais de homens. 

Por outro lado, os médicos proctologistas são indicados para cuidar de doenças no intestino, reto, e ânus de homens e mulheres. Por isso, alguns pacientes acreditam que o médico a ser consultado é o proctologista, no entanto, a próstata faz parte do aparelho sexual masculino, devendo ser avaliada por um urologista.

O câncer de próstata é um assunto importante que deve ser sempre discutido e comentado. Não vire as costas para esse fato que é tão comum entre os homens da nossa sociedade. Por isso, em caso de sintomas procure um profissional da saúde qualificado.


A Despacho Rápido abraça a campanha Novembro Azul e compartilha a importância da prevenção da doença. Previna-se!